CABECERA IMAGENES

BTT - MELGAÇO a VIANA do CASTELO 15/2


Percurso- Melgaço a Viana do Castelo                         Local- Minho
Itinerário- Melgaço, Monção, Valença, Vila Nova de Cerveira, Caminha, V.P. Âncora e Viana do Castelo.
Partida- Alameda Inês Negra (N 42º 06' 53''  W 08º 15' 35'') ás 7h53m
Data- Sábado 18 de Julho 2015                                   Distancia- 106km
Dificuldade     Física- Baixa     Técnica- Baixa             Circular- Não
Tempo (horas)
Saída- 7h53m     Chegada- 17h12m     Duração- 9h18m     Em Movimento- 5h50m
Velocidade         Media Total- 11,40km/h        Media em Movimento- 18,17km/h
Altitude (metros)
Máxima- 192     Mínima- 2           Desnível- 190              Saída- 192     Chegada- 52
Positivo- 355     Negativo- 374     Desn. Max.- 13,37%     Desn. Min.- 9,91%
GPS Garmin Oregon 450   Nº de pontos- 11179     Intervalo de gravação- 3
Programa de analise de dados- CompeGPSLand/SportTracks
Indice IBP- 71 MTB
Condições Atmosféricas- Céu coberto e temperatura muito agradável.
Pontos de Interesse- Municípios, Rio Minho, Oceano Atlntico, Praias, Ecovias, Monumentos e Muita Paisagem Natural.
BTTistas- Blacbay (Specialized Stumpjumper FSR) - Roberto (Cannondale Scalpel SI 29'') - Paulo (Merida Big Sevan XT Edition 27,5'') - Zelugo (Cannondale Scalpel)

Observar ou Descarregar o Percurso         Todas (200) as Fotografias Georreferenciadas




A Partida desde as Muralhas do Castelo de Melgaço.

O Tomi a registar a nossa partida.

Saíndo da Vila de Melgaço.

A pedalar rodeados de plantações de Vinho Alvarinho.



Ponte de Mouro.



Entrando em Monção.

Miraespanha.

Saíndo de Monção.

O Castelo em Salvaterra, do outro lado do Rio Minho.

Pela Ecovia do Rio Minho.



O Portinho em Lapela, já é habitual.

Algum já andava a recolher a sua alimentação.

A Torre de Lapela.



Ponte sobre o Rio Manco.


Apreciar o futuro.

Junto ao Rio Minho.

Subindo para as Muralhas de Valença.

Olha aqui, uma moeda de 2 cêntimos.


Dentro da Fortaleza de Valença.


As dez e meia já estavamos a petiscar.

Se o BTT fosse fácil, eramos como estes, futebolistas.

Continuamos pela Ecopista do Rio Minho.




Chegando a V.N. de Cerveira.

No Tomi de Cerveira.


Mais outra Fortaleza em Espanha, a de S. Lourenzo.


Um Portugues mija, mijão dois ou três.


Entrando em Seixas.


Paragem em Caminha para voltar a comer.


O Tomi de Caminha a registar a nossa passagem.


A pedalar pela Feira Medieval de Caminha.

Pela marginal da Foz do Rio Minho.


Pela Mata do Camarido.

Praia de Moledo.

Pelo Caminho de Santiago Portugues da Costa.


Ecovia de Âncora.

Praia de V.P. de Âncora.

Forte do Cão na Gelfa.

Houve momentos onde tivemos que desmontar.


Pelas passadeiras de Afife.


Praia de Afife.

Forte do Paço em Afife.


Piso improprio para pedalar.


Praias espetaculares da Costa Portuguesa.


O Farol e as Antenas em Montedor.


Trilho super espetacular.

O Zé a explicar como se deve fazer um salto, com a roda da frente levantada.

Seguíamos sempre por Trilhos, por isso é que as vezes tínhamos que desmontar. Estres Trilhos não são adequados a Bicicletas.

Pela Passadeira das Praias de Carreço.

Agora sem pés...




Entre Viana do Castelo e Carreço andam a fazer uma Ecovia, o caminho estava em obras.

Os Moinhos da Areosa.

A procura de um Caminho para fugir a zona de obras.


Entrada em Viana pelo Forte do Rego de Fontes.

Praia Norte, quase sem Praia.


Oa três que chegamos a Viana.

Final do Percurso.

O Zé já esperava a nossa presença.

O Wi-fi do Zé só capta bem em cima da torradeira, terá que andar sempre com ela as costas.

   Pela segunda vez este ano fomos de Melgaço a Viana do Castelo em Bicicleta.
   O culpado foi o Zelugo, que nunca tinha realizado 100km em BTT.
   Foi um Percurso fácil, para que o Zelugo não sofresse muito.
   Arrancamos desde a Alameda do Castelo de Melgaço, seguimos para Monção pela antiga E.N. 202, apenas nos desviamos do asfalto uma vez para passar pela Grande Rota das Margens do Rio Minho.
   De Monção a Valença seguimos a Ecopista do Rio Minho, saindo dela algumas vezes para pisar outro tipo de piso e apreciar outras paisagens. No interior das Muralhas de Valença fizemos a nossa primeira paragem para alimentação. Já tínhamos parado em Lapela para o habitual “Portinho”.
   Seguimos para Cerveira pela Ecopista do Rio Minho, de Monção até ao Lugar de Gondarém (5km depois de Cerveira) são praticamente 40km, sempre em Ecopista junto ao Rio Minho.
   Entre Lanhelas e Caminha tivemos que recorrer a E.N. 13, mas vimos trabalhos que indicavam que estariam a continuar a Ecopista.
   Em Caminha voltamos a parar para comer, foi aqui que o Roberto nos abandonou, voltou para casa a pedalar, tinha horários a cumprir.
   De Caminha a Viana do Castelo seguimos pelos Caminhos e Trilhos junto ao Mar.
   Começamos pela Marginal da Foz do Rio Minho, seguimos pela Mata do Camarido, Praias, Passadeiras de Madeira, algum cimento e asfalto, desvios devido a construção de mais alguns quilómetros de Ecopistas. Até tivemos que cruzar um campo de milho para evitar pisar mais asfalto.
   Entramos em Viana pela Praia Norte e terminamos o Passeio na casa do Zelugo, onde tomamos banho e demos uma alegria ao corpo com a “merenda” que o Zelugo nos tinha preparado.
   Foi um Passeio fácil, onde o Zelugo o realizou sem problemas, já tem os seus primeiros 100km.

   O dia esteve óptimo para pedalar, o Céu estava coberto mas a temperatura foi muito agradável, quase sempre entre 22 e 25ºC.

Dados IBP.

Outras vezes que fizemos este Percurso- 2011 - 2015

Blacbay